16 de set de 2012

A filosofia é emocionante e frustrante - Anthony Kenny


A filosofia é, simultaneamente, a mais emocionante e a mais frustrante das matérias. É emocionante porque é a mais ampla de todas as disciplinas, explorando os conceitos básicos que atravessam todo o  nosso discurso e pensamento sobre qualquer tema. Além disso, pode empreender-se o estudo da filosofia sem qualquer formação ou instrução  especial preliminar; qualquer pessoa que esteja disposta a pensar muito e a seguir um raciocínio pode fazer filosofia. Mas a filosofia também é frustrante porque, ao contrário das disciplinas científicas ou históricas, não oferece nova informação sobre a natureza ou a sociedade.

A filosofia não procura proporcionar conhecimento, mas compreensão; e a sua história mostra como tem sido difícil, mesmo para os grandes espíritos, desenvolver uma perspectiva completa e coerente.

Pode dizer-se sem exagero que nenhum ser humano conseguiu ainda  alcançar uma compreensão completa e coerente nem mesmo da linguagem que usamos para pensar os nossos pensamentos mais simples.

Não foi por acaso que o homem que muita gente considera o fundador da filosofia enquanto disciplina autoconsciente, Sócrates, afirmou que a única sabedoria que possuía era o conhecimento da sua própria ignorância. 



(KENNY. História Concisa da Filosofia Ocidental)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...